25/03/15

imagem original

esta força de te amar,
absorve todas as minhas energias.
dou por mim a contar até três 
e lá se vai mais vez 
em que não te vejo entrar
pela porta do paraíso,
em que não te vejo chegar,
com o teu lindo sorriso.
senti a tua falta,
neste início de primavera,
sinti a tua falta,
quando esperei junto à janela.
onde estamos nós?
onde estará o nosso amor?
lá vai um pássaro azul voando
carregando com ele toda a minha dor. 




estou aqui, meia perdida , meia por perder. acordo com meia dúzia de lágrimas no rosto, voltou a acontecer, voltei a sentir saudades do meu passado. não consigo gerir tanta dor, não consigo suportar tudo isto novamente. tento distrair-me, sair de casa, estudar, arrumar, passear a minha pequena, contar até 3, ver televisão, ouvir música .... tudo e mais alguma coisa, tu apareces por lá. impressionante como até o teu perfume vem parar à minha casa por via de outros seres.
serei uma página rasgada do teu livro? quererás tu retomar esta história? eu não me importava mas não como o fizemos. quero algo sem segredos, algo 50-50 , algo com amor e dedicação, algo nosso e equilibrado. sou tão sonhadora, isto é uma doença sem remédio, estás na tua vida e eu continuarei na minha. 
sinto que passei estes meses a tentar apagar-te da minha vida  mais uma vez. não sinto com forças para continuar esta batalha, não me sinto capaz de fingir que não te amo, não me sinto. 
tenho tanto para te contar mas tu nem meu amigo és e nem tens noção do quanto isso me destrói ... sabes bem que escrevo para desabafar ou na esperança que um dia venhas de passagem e saibas o quanto te queria aqui ou então escrevo por escrever. não podias estar mais distante .
fecho os olhos, consigo imaginar mil e uma aventuras, sinto a garganta apertada, não tenho com quem desabafar ... talvez tenha mas não quero, é algo que me atormenta e porra esta história dura há 3 quase 4 anos, lembro-me de tudo como se fosse hoje. convenci-me que tinha saudades do que vivi e não da pessoa com quem vivi, estava tão enganada. apesar de me sentir desvalorizada vou sempre amar e guardar com carinho tudo aquilo que partilhamos. agradeço tanto por termos tido uma segunda oportunidade, foi pena ter acabado como acabou.. 

..
from w.h.i

saudades vossas que me consomem

já lá vão três meses, quase quatro, desde que pessoas que eu amava de verdade sairam da minha vida. uma pelo próprio pé, outra levada contra sua vontade; uma tão perto e outra nem eu sei por onde anda; uma que me continua amando e outra nada posso afirmar. é tão exaustivo sonhar com ambas todos os dias. poderei eu relevelar quem são? sim, posso.
a primeira pessoa que partiu foi a minh avó, ainda hoje falo como se ela estivesse internada ou algo do género, como posso convencer-me que morreu? que não há volta a dar por muito que as saudades apertem? que não há nada físico que me liberte desta dor? sonho com ela todos os santos dias, ontem, dei por mim a ouvi-la dizer que me amava de verdade... como podemos acreditar em tal facto quando a pessoa tem alzheimer? cuidei tanto dela e ainda não acredito que não a voltarei ouvir chamar por mim; que não poderei abraça-la ; encher a barriga dela com bolachas e bolos; que não poderei dizer o quanto a adoro. não consigo convencer-me que foi o nosso fim tudo por causa de uma mera negligência médica. como posso recuperar a parte de mim que com ela foi para debaixo da terra? como posso não esquecer o seu rosto ou o seu sorriso ou as suas brincadeiras quando o tempo tende a derrotar-me?
a segunda pessoa foi o único homem que amei de verdade. podemos ter namorado quando eramos novos mas eu sei bem que foi a única pessoa que consegui amar e tenho medo, tenho medo de não conseguir ultrapassar a sua perda, de não conseguir lidar com a sua ausência, de não conseguir amar ninguém novamente. finjo que aceito e acredito que seja normal esquecer tanta partilha e dedicação, finjo que o melhor para ambos é estarmos separados, finjo que a saudade não me devora a cada dia que passa. vou sonhando com ele, vou tentando esquecer tudo o que me relembra as nossas vivências. como é possível? nem os parabéns me desejou , pensava que me seria indiferente mas magoou mesmo muito. quem me ouve falar, quem me conhece, sabe bem que sobrevivi à sua segunda perda mas não me habituei. não posso dizer que voltei a sentir aquela felicidade invejável , aquele brilho fantástico , aquele amor incondicional. errei tanto e sei que foi por isso que desvalorizaste o nosso recomeço, tentei fazer de tudo mas não é possível amar pelos dois. eu apenas não percebo e tento guardar com carinho todas as emoções que de mim despertas. adorava poder dizer-te uma última vez o quanto te amo, disso podes ter a ceretza , és e foste o único homem a quem entreguei todo o meu amor.

But not for long...
from w.h.i

from w.h.i

16/03/15

from 'The Silent Echo' via Tumblr
from w.h.i
A saudade bateu tão forte. Somos dois desconhecidos, o " seremos amigos " perdeu-se com o tempo e com ele levou toda a minha esperança. Senti espadas perfurando a minha pele lentamente e, o pior, é que desta vez não tentaste salvar-me , desta vez eras tu a causa desta dor. Eu errei tanto, tu eras o meu tudo e em menos de um nada vi-te regressar para o teu mundo completamente isolado do meu. Acreditei que conseguiria conquistar o teu coração, que desta vez seria totalmente diferente, para melhor. Passou a voar e apesar de me lembrar do meu coração apertado, também me lembro dele livre como um pequeno pássaro. Tenho saudades tuas. Uma vez por outra revejo as poucas fotos que tiramos juntos desta última vez... Eu percebo-te mas também erraste tanto comigo e embora eu merecesse em alguns aspetos, noutros não merecia de todo. Foste embora quando eu mais precisava de ti, apesar de me sentir mais forte, o facto de não te sentir consome-me uma vez por outra. Ainda no outro dia pensei no nosso primeiro encontro, no nosso último encontro... Pensei em tanta coisa, nas coisas más, nas coisas boas, em ti, em mim, em nós... Imaginei tudo o que já tinha imaginado, o vazio que sinto não aumentou. O problema é que tu vieste com uma armadura inquebrável, vieste com o pensamento deturpado e ideias fixas sem cabimento. Sinto saudades, sinto-me em paz, sinto-me feliz. Voltei a substituir-te em tudo o que me rodeia, como da última vez que foste embora. Nos estudos, nas amizades, na família ... Faltas tu... O teu perfume que uma vez por outra me vista acompanhando-se por um estranho isto quando não sou eu que o visito numa loja propositadamente; sinto saudades das tuas brincadeiras que apenas nós percebíamos ; sinto saudades do teu olhar, do teu sorriso... Terá isto tudo desaparecido? Olho novamente para trás, como pudeste simplesmente ir embora e ignorar tudo o que passamos juntos como se passa-se de um sonho apenas meu ? Terrei saudades do teu último eu ou do teu primeiro eu ? Será que te arrependes? Não, não acredito nisso porque mesmo sabendo que eu fiz anos, mesmo sabendo coisas desfavoráveis que me aconteceram, foste incapaz de me dirigir a palavra. Chega de me assombrar por este passado mais que longínquo , embora uma vez por outra sinta um misto de emoções, sei bem que este é o melhor caminho *


imagem original

13/03/15

imagem original

tens tantas razões para não sentir o mesmo amor por mim , tantas e tantas... sei que não tenho sido uma boa dona, que fico dias sem te visitar mas espero que percebas o porquê * és mesmo muito importante e agradeço por me lamberes na mesma a cara sempre que me vês, por " sorrires " com esse olhar tão fofinho, por correres para mim como se eu nunca tivesse errado :) nunca pensei gostar tanto de um " animal ". quem não tem a sorte de amar e ser amado por um grande ser como este não sabe mesmo o azar que tem . obrigada por todo o apoio que me dás ( às vezes mais do que os animais racionais ). quem tem animais e os ama sabe que não estou a exagerar mesmo nada :') obrigada por estares sempre aqui para mim <3

imagem original

já lá vão 18 anos desde o dia em que a minha mãe pegou em mim ao colo e sorriu pela primeira vez diretamente para mim. durante este ano desejaram-me imensas vezes os parabéns mas serei realmente eu que os mereço? afinal quem cuidou de mim ? quem me abraçou quando a dor não cabia mais no peito e a soltei cá para fora da pior maneira? quem me aconselhou , beijou e me amou ? quem é que cozinhou para mim e cuidou de mim todos os dias ? quem é que olhou por mim e mesmo sabendo que eu estava mesmo muito errada permitiu que eu crescesse com os meus próprios erros? quem é que foi a minha heroína todos os santos dias inclusive o de hoje?  ela , a minha rainha! quem está realmente de parabéns é ela , por não ter desistido de mim :) dizem que o amor das mães pelos filhos é incondicional mas eu sou a prova viva de que o amor dos filhos pelas mães é igualmente incondicional ! agradeço todos os dias a Deus por ser abençoada por esta família que me rodeia mas hoje, principalmente hoje, agradeço pela mulher que permitiu que eu viesse a este mundo :') <3

prisões libertadoras

imagem original

não recordo se amo alguém em especial, se o meu coração tem dono ou se realmente é aqui onde eu pertenço. poderia transformar-me em tantas brisas diferentes ; poderia ser rainha do meu mundo ; poderia escolher o caminho que desejo pisar (...) mas na realidade nada posso. sinto uma força enorme que me empurra contra o velho precipício, observo todo o meu passado a centímetros de distância. ergo o meu rosto para o céu que encobre todos os meus atos, sou assaltada por uma força desconhecia, liberto-me destas energias negativas que quase se apoderaram de mim. hoje posso afirmar que visitei a minha paz interior, não permaneci lá porque ainda tenho muito para aprender sobre o meu próprio eu. aqui só para nós, uma vez por outra continuo a vistar o velho precipício e orgulho-me de toda a liberdade que até hoje conquistei .

01/03/15

podia cuidar de ti, remendar um coração partido , ser a tua pequena. e sei bem que o destino não nos uniu por acaso, que as nossas almas se completam mesmo que seja por uns segundos. seria feliz se pudesse abraçar-te , se pudesse sentir o teu perfume e o teu sorriso. dás-me força e mesmo estando tão distantes consegues mover os meus sentimentos para o lado mais positivo. sei bem o quanto me farias feliz e o quanto me fazes feliz*

cute couples | via Tumblr
from w.h.i
e voltaste novamente, questiono-me porque chegaste sequer a ir embora. sinto o coração leve, a alma divagando por este mundo desconhecido. não posso dizer que tudo se manteve, não , não posso. o tempo passou e com ele levou parte da minha força, parte do meu amor.. deixou em mim poucos sonhos e quebrou grande parte dos meus medos. gostava de saber se te lembras da primeira vez que nos vimos, das promessas que fizemos, dos sonhos que traçamos. tenho o teu olhar marcado em cada passo que dou, o teu profundo olhar que me conquistou em menos de um nada. adorava tanto poder ser a cura do teu coração partido mas como poderá um ser tão frágil curar um coração tão intenso? tenho dentro de mim o desejo de voltar a ver-te. poderia ser tudo tão diferente se não estivéssemos contaminados com uma dor insuportável, se nenhum de nós fosse novamente embora, se o amor falasse mais alto...

mmmmmmmmmmmmmmm

22/02/15

palavras apaixonadas que me contaminam

Bae��
from w.h.i
hoje deu-me para isto, não para uma saudade específica, não para um ser específico mas sim para um sonho. o quão bom deve ser acordar com um sorriso no rosto, voltar o corpo para o lado contrário da cama e ver minha cara metade; ser abraçada de inesperado enquanto coloco um colar sobre meu peito; chegar à cozinha e ter um bom pequeno almoço preparado por ele. o que seriam estes miminhos sem discussões ao barulho? sem uma cara rabugenta sempre que não ouve há primeira o que eu digo ; sempre que eu fico com ciúmes ou sempre que não dizemos as coisas da melhor maneira? o quão bom seria ter um motivo para vestir um lindo vestido e calçar um saltos, pôr um pouco de maquilhagem e pegar na melhor bolsa só para o agradar ; o quão bom seria ter de o conquistar todos os dias e amá-lo dia após dia. o quão bom um dia isto o será quando aparecer a pessoa ideal, que saiba lidar com as minhas fragilidades e com o meu feitiozinho. posso correr imensas praias e mesmo assim continuar sem te ver porque eu sei, que não é o sítio que é errado mas sim a hora que não é a certa.. se fizer falta, um dia destes, enquanto caminho na rua, vou contra ti e tu levantarás a cabeça e sorrirás, homem da minha vida. o que é demais também cansa e ,por isso, quando vieres, não tragas só as virtudes, vem carregado de defeitos para a gente poder discutir aqui e além.. vem quando a lua te permitir e quando sentires que é aqui o teu lugar. tens tempo, eu tenho tempo, o meu coração espera e o teu me procura , só que ainda nenhum de nós o sabe *
eu vou cuidar de ti , vou encher a tua chávena com café e pôr-te surpresas debaixo da almofada, tu ainda não sabes quem eu sou , assim como eu ainda não sei quem tu és ... uma coisa é certa, eu cuidarei de ti e tu cuidarás de mim :)

Tags mais populares para esta imagem incluem: love, heart, tattoo, cute e black and white
from w.h.i

mentes coloridas

imagem original

imagem original

imagem original

anéis + unhas = <3 

sabem aquela sensação de querer que o fim de semana passe a voar para voltarem a ver aquele sorriso? os sonhos que guardamos no nosso quarto? os pensamentos que nos absorvem antes de adormecermos ? 
estou repleta de sonhos e sensações misteriosas, adoraria poder afirmar que não me vou tornar a magoar .. pelo menos desta vez sei como lidar comigo , sei como crescer a uma velocidade instantânea e como erguer o meu escudo. 
sou demasiado precipitada mas que culpa tenho eu quando o universo se mantem em sintonia com as minhas ações? não facilita a minha linha de pensamento... seria tão bom saber quais os seus pensamentos; quais as suas virtudes ; quais o seus medos e os seus sonhos. 
uma mulher sabe quando as coisas têm asas para dar certo, quando o olhar é apenas dedicado a ela, quando conquistou o coração de alguém...assim como sabe quando ocorre exatamente  efeito contrário * 


from w.h.i

∞ Brєαthє Fαshìon ∞ | via Facebook
from w.h.i

quero tanto *.*
poderia sentir menos 5kg em cima de meus ombros se tivesse certezas que os passos que dou não sou tão incorretos como eu os descrevo . afinal porque nos culpamos de fazermos os possíveis para sermos felizes ? porque não corremos até ao cume de uma montanha e libertamos todas as mágoas que preenchem o nosso coração, que saturam a nossa mente ? sinto que somos seres extremamente complexos, que necessitamos de reaver imensa força para alcançar o nosso equilíbrio ... prometi a mim mesma que não deixaria ninguém dominar o meu ser, que me manteria firme e nunca fascinada . foi estranho quando sucedeu o contrário. os planos saem muitas vezes furados, daremos conta das vezes que somos obrigados a procurar alternativas?

imagem original

add a caption
from w.h.i

namaste

��
from w.h.i
prom dress  | via Tumblr
from w.h.i

adorei mesmo , não me importava nada de ter um assim no dia do meu casamento :)

Bem meus amores deixo aqui um cheirinho de um texto que fiz para um concurso, espero que gostem :)

p.s: não coloco o texto todo até o concurso acabar *




Coração, porque te sinto tão acelerado? A brisa que contempla os verdes campos e o mar que domina a velha praia não te acalmam? Eu bem sei que preferias viver protegido numa redoma onde pudesses abafar os gritos que pairam em teu redor, porém a tua insignificância não te permite tal opção.
As cabeças cansadas deixam-se levar pelo lado obscuro da vida e aí, quando a dor aperta, eu te suplico, meu pobre coração, que não te deixes levar por essa corrente incessante. Respiro fundo, o pensamento voa para terras longínquas e eu frágil como um floco de neve, deixo que ele assuma o controlo sobre estes dias vagarosos. 


21/02/15

imagem original


                                                                         "Não há comparação, és uma num milhão
E quem procura acha e eu procurei,
mas acho que não apareceste tu com essa atitude
De mulher esclarecida com carisma de hollywood
Primeiro amigo e depois amigo e meio
Depois para meio amigo eu fiz-me teu companheiro
Porque és diferente, miss independente
porque não te deixas conquistar com meia dúzia de presentes"

20/02/15

perdi-me em meus sonhos, em minhas telas brancas e em meus pensamentos.
posso julgar este meu sorriso, quem me garante que vem carregado de amor e alegria? pode estar apenas disfarçado na sua máscara acolhedora... pode e não pode... posso ser verdadeiramente feliz e este julgamento ser um erro.. também posso não o ser , quem o saberá? quem saberá a história que em mim levo ? os pesadelos que em mim carrego ? serão as almas cegas ou os corações frios que conseguem ver o meu verdadeiro eu ? não , não o deverá ser , nem eu sei quem sou como poderão pessoas tão desinteressadas pintar estas minhas telas em que me perco? perdida estarei eu sempre que o mundo girar mais uma vez; sempre que olhar para o céu à procura da lua ou do sol ; sempre que fixar o meu coração as terras que talvez um dia conhecerei. 
imagem original
gostava imenso de proteger este coração de todos estes assaltos desarmados.
afinal como será viver sem ter o coração nas mãos? como será gritar de alegria e esquecer o sufoco que acobarda o meu sono? será suficientemente bom ao ponto de queremos viver num mundo perfeito ?
neste momento precisava de abraça-la , tenho mesmo muitas saudades das nossas conversas. ainda hoje não estou em mim, ela voltará , eu tenho uma fé estranha na minha mente..
mas como tal não irá acontecer , que mande um anjinho para cuidar de mim .. eu pensava que o tinha conhecido mas está tudo tão fosco...